Início | Bio | Transparência | Galeria | Links | Contactos
      English
  OK  
Parlamento
Arquivo
Artigos
Notícias
direitoshumanos
segurancaedefesa
libia
integridadeetransparencia
fiscalidade
submarinos
envc
justicaeassuntosinternos
vistosgold
vooscia
 
 
Arquivo
12/10/2016
Ana Gomes critica apoio da UE ao governo etíope face ao aumento da violência

Bruxelas, 12 de Outubro de 2016 - Ana Gomes teceu hoje fortes críticas esta semana à Alta Representante da União para a Política Externa, Federica Mogherini, pela declaração pública emitida pelo Porta-voz sobre o estado de emergência decretado na Etiópia, que restringe a maior parte dos direitos e liberdades garantidos na constituição etíope para fazer face aos protestos e revolta social da população Oromo, que se têm intensificado desde Novembro de 2015, e que já causaram centenas de mortos devido à atuação repressiva das autoridades.

Numa audição pública da Sub-Comissão de Direitos Humanos, Ana Gomes afirmou que, em vez de sugerir um processo de reconciliação no Parlamento etíope, que foi eleito através dum processo não democrático, a UE deveria pressionar as autoridades etíopes a revogar o decreto sobre o "estado de emergência", e a dar resposta adequada às exigências do povo etíope levantadas durante os protestos nos últimos meses. Segundo a eurodeputada, a UE pressionar o governo a aceitar uma investigação internacional independente, com um mandato para cobrir as alegações de violações dos direitos humanos desde os início dos protestos em 2015.

 

 
 
Desenvolvido por: mediaFoundry © 2017 Ana Gomes. Todos os direitos reservados.